quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Fatores que influenciam na balança


Aqui vai uma reportagem bem legal que encontrei pela net...

Seu coração dispara toda vez que se pesa?
Calma!
Existem vários motivos que alteram as medidas na balança.
Antes de achar que a dieta não vale a pena, é preciso compreender que o organismo oscila de peso ao longo do dia e, às vezes, provoca um acréscimo de até 2 kg.



Veja alguns fatores que contam na balança:


TPM, um rebuliço hormonal

Na TPM é possível aumentar o peso.

A mulher pode ganhar até 2 kg durante essa fase.
Isso porque a progesterona, hormônio feminino, age nos rins, inibindo a eliminação de sódio e provocando o inchaço.


Retenção líquida

Cerca de 60% do peso corporal é composto de água.

Qualquer variação nesse número faz a pessoa sentir-se inchada", conta o chefe da disciplina de clínica médica da Unifesp, Paulo Olzon Monteiro da Silva.
Em situações normais, a quantidade de líquido do corpo é distribuída pelo sangue de forma equilibrada (homeostase).
Entretanto, se houver alguma alteração e a água não for eliminada, ficará retida no organismo, causando edema e inchaço.



Massa magra

No exercício há ajuste da massa magra e redução de gordura. "É comum a pessoa pesar-se e ficar preocupada ao notar que houve aumento de peso", fala o ortopedista e diretor da Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte, Arnaldo José Hernandez.

Mas isso é normal, já que o músculo pesa mais do que a gordura!
Se você perder 3 kg de gordura e ganhar 3 kg de massa magra, sem a alteração de peso, notará suas roupas mais largas.

Pesagem

A hora que você sobe na balança tem influência sobre o peso corporal por causa da ação da gravidade.

Após um dia inteiro trabalhando em pé ou sentado, os líquidos corporais, que deveriam circular pelo corpo através da corrente sanguínea, acabam se acumulando nos membros inferiores.
É por isso que no final do dia as pernas ficam inchadas.
Ao deitar, esse líquido é absorvido para dentro dos vasos sanguíneos, filtrado nos rins e eliminado na urina, pela manhã.
O ideal é se pesar sempre no mesmo horário.
Beber água ajuda na perda de peso e promove uma verdadeira faxina no organismo, eliminando toxinas e auxiliando no bom funcionamento do intestino.
Mas para evitar um susto, não suba na balança logo depois de tomar um copão de água.
Procure se pesar sempre na mesma balança, assim, você poderá acompanhar corretamente qualquer alteração.



Suor

Tem gente que se pesa depois da aula de aeróbica e dá pulos de alegria porque o ponteiro da balança abaixou. A diferença pode chegar a mais de 1 kg! Pura ilusão! Especialistas do American College of Sports Medicine (ACSM) e National Athletic Trainers Association (NATA) afirmam que a diferença no peso antes e depois do exercício é resultado apenas da eliminação de água e sais minerais através do suor, mas não se engane: a queima de calorias não é diretamente proporcional à quantidade de suor!

Estômago satisfeito

Se você acabou de comer, todo o peso do alimento ingerido vai se refletir na balança. Isso mesmo!"Por isso, se consumiu meio quilo de comida, terá meio quilo a mais no peso!".

Fonte: Revista Shape

Nenhum comentário:

Postar um comentário